Surfistas se reúnem no mar para interceder por suas cidades

Surfistas se reúnem no mar para interceder por suas cidades

Para surfistas cristãos, pegar boas ondas não é apenas um esporte ou estilo de vida, mas também um ministério. É no mar que eles se unem para orar, e são nas areias que eles buscam levar o Evangelho.

O ministério “Catch The Wave” começou em 2016, quando seu fundador, Chad Dedmon, teve um sonho. 

No sonho, Chad estava fazendo stand up paddle em Big Sur, na Califórnia, e viu dois anjos descerem do céu, segurando remos. Eles começaram a agitar as águas ao redor dele, formando um círculo. Enquanto faziam isso, o ar começou a se transformar em partículas e logo uma nuvem se formou, carregando cura. 

Em seu sonho, Chad observava a nuvem de cura se estender sobre a Califórnia, sobre os Estados Unidos e depois sobre o mundo. Foi então que ele ouviu Deus dizer audivelmente: “Chad, é hora de você sair e dizer às pessoas que você é um intercessor".

“Quando eu acordei do sonho eu sabia que era um convite, porque eu não sou uma praticante de stand up paddle… Eu nunca tinha remado antes. Eu tive esse sonho em maio e então a Julia (sua esposa) me deu uma prancha [de stand up] no Dia dos Pais de 2016. Foi incrível e louco”, disse Chad no site do ministério.

“A única coisa que eu sabia era que Deus estava me pedindo para interceder fazendo stand up paddle em toda a costa da Califórnia. Foi um conhecimento em meu espírito e eu segurei isso por cinco anos e bem... agora, aqui vamos nós!”, acrescentou.

Enquanto praticam o esporte, os surfistas oram por toda a costa da Califórnia e outros locais. Eles costumam remar em torno de 8 a 16 quilômetros no oceano ou nos rios, enquanto intercedem pela região.

O coração do ministério é “praticar a intercessão fora de seu contexto habitual, dentro das quatro paredes da igreja” e “inspirar outras pessoas a descobrir Deus em todos os lugares”.

Além da intercessão no mar, eles buscam fazer a diferença no dia a dia. Uma das ações é pregar o Evangelho em centros de reabilitação, a fim de ajudar pessoas a se libertarem de seus vícios.

“Levamos as pessoas dos centros de drogas e reabilitação para surfar, oramos e ouvimos suas histórias e compartilhamos as nossas”, diz o ministério em seu site.

Eles também fazem ações de recolhimento de plástico e lixo nas praias, como forma de contribuir com o ambiente. “Acreditamos que a intercessão tem a ver com cuidar do nosso mundo”, explicam.

O desejo de Chad é despertar a sua geração para uma vida de oração intensa. “Nós oramos por esta terra, Senhor, oramos por aqueles que são chamados para influenciar a terra, para que tenham um encontro radical com o Seu amor”, orou Chad enquanto surfava na costa de Orange County, segundo o trecho de um documentário.

Fonte: Guiame 

Postar um comentário

0 Comentários