Policial se ajoelha para orar na Colômbia, em meio à onda de mortes no país

Policial se ajoelha para orar na Colômbia, em meio à onda de mortes no país

A Colômbia passa por uma onda de ataques e assassinatos contra membros da Polícia Nacional. Os homicídios de policiais têm sido atribuídos a pistoleiros locais.

Membros do grupo criminoso Clã del Golfo são considerados aliados de redes de assassinos, que pagariam grandes somas de dinheiro (até 5 milhões de pesos) pelo assassinato dos homens uniformizados.

O crime mais recente aconteceu em 23 de julho em uma área de Antioquia. O subintendente Sergio Yépez e a patrulheira Luisa Fernández, que faziam patrulhamento de motocicleta no setor, foram baleados. O primeiro morreu no local e a policial após dar entrada no hospital.

Na região de Nariño, dois carros de patrulha foram atacados por dois homens quando caminhavam pela rua.

O senador e pastor evangélico John Milton Rodríguez (do partido colombiano Justa Libres) expressou sua preocupação em seu perfil no Twitter e condena esses graves eventos.

Olhe para o céu

Em meio aos casos de homicídios constantes contra a Polícia Nacional, a imagem de um policial orando de joelhos na rua circula nas redes sociais.

Nele você pode ver um policial que saiu de seu carro e se ajoelha no meio da estrada e levanta os braços para o céu. A imagem comunica que ele está pedindo a Deus que proteja a vida de policiais como ele.

Após a postagem da imagem do policial, milhares de mensagens de apoio têm sido publicadas por internautas.

“Este policial é claro sobre isso, ele sabe que de joelhos as guerras são vencidas, bênçãos para todos os policiais e militares da Colômbia”, diz uma delas.

“Amado Deus banha com teu sangue bendito todos os policiais, soldados e não permitas que morram assassinados pelo mesmo homem. Senhor Jesus Cristo, permita que eles vivam com dignidade. Eu entendo que todos cometem erros. Mas o assassinato não é a maneira de morrer. Misericórdia senhor", escreve alguém.

“Não é justo que essas gangues continuem matando policiais, todos temos o direito de viver. Temos que respeitar uns aos outros", diz essa mensagem.

Fonte: Guiame com informações de Evangelical Focus

Postar um comentário

0 Comentários