Tim Keller enfrenta efeitos colaterais do tratamento de câncer e família pede oração

Tim Keller enfrenta efeitos colaterais do tratamento de câncer e família pede oração

O pastor Tim Keller está enfrentando os efeitos colaterais do tratamento de imunoterapia que está recebendo atualmente, em sua luta contra o câncer de pâncreas em estágio 4.

A atualização do quadro de saúde do teólogo foi dada por seu filho, Michael Keller, no Facebook, na segunda-feira (13). A família está pedindo oração pela cura de Tim.

“Pedimos que continuem orando pela cura do meu pai e pelas decisões de seus médicos e equipe médica que continuam fornecendo cuidados excelentes e compassivos. Obrigado pela demonstração de amor e apoio. Desejamos profundamente suas orações neste momento”, escreveu Michael.

Timothy Keller foi diagnosticado com câncer de pâncreas em 2020. No mês passado, ele contou que passaria por um tratamento de imunoterapia no Centro Nacional de Câncer em Bethesda, no estado americano de Maryland.

“É uma grande promessa para a cura do câncer de pâncreas, embora seja um programa rigoroso e exigente de um mês”, afirmou o pastor, na época.

“Por favor, orem por mim e pela minha família. A Kathy [sua esposa] e eu teremos que ficar um tempo separados, pois ficarei internado”, explicou.

Trajetória de Tim Keller desde o diagnóstico de câncer

Em 2002, Tim Keller também teve um câncer de tireóide. Quando soube do câncer de pâncreas, em 2020, o teólogo e autor best seller pediu para que os cristãos orem por quatro motivos específicos. 

O primeiro motivo é para que Deus use os médicos ou faça o câncer desaparecer; segundo, para manter ele e a esposa sempre na presença de Deus; terceiro, pelo conforto e encorajamento da família e, quarto motivo, que os efeitos colaterais sejam  mínimos. 

A preocupação do pastor é poder continuar escrevendo e falando. Ele também manifestou o medo de “retornar ao estado espiritual em que estava antes do diagnóstico, pois aprendeu a realmente depender de Deus em meio à sua doença”.

Em novembro de 2020, ele afirmou que é nos momentos de dor que muitas pessoas reconhecem que Deus realmente está presente e é suficiente.

Sobre o câncer de pâncreas

Conforme a medicina, cerca de 80% dos pacientes diagnosticados com câncer de pâncreas morrem dentro de um ano, logo após a descoberta. 

Tim Keller disse que “Deus foi muito gentil com ele”, já que soube da doença logo no início, enquanto realizava um exame para resolver outro problema de saúde. 

“O que o futuro reserva, eu não sei. Oro para que eu tenha anos, e não meses, e que a quimioterapia continue a ser eficaz. Mas estamos prontos para tudo o que Deus decidir por mim. Estamos espiritualmente prontos”, afirmou no ano passado ao se referir a ele e sua esposa. 

Aos 72 anos, o pastor se mostra esperançoso e confiante no que Deus pode fazer em sua vida. “Tenho excelentes médicos humanos, mas o mais importante é que o Grande Médico está cuidando de mim”, declarou.

Fonte: Guiame com informações de The Christian Post

Postar um comentário

0 Comentários