Evangelizada durante carona, ex-viciada se torna evangelista: ‘Agora levo outros a Jesus’

Evangelizada durante carona, ex-viciada se torna evangelista: ‘Agora levo outros a Jesus’

A vida de Nakeisha Peay se resumia a drogas e problemas comportamentais que faziam dela uma pessoa antissocial. Moradora de Seattlle, ela conta que praticamente não teve contato com as coisas de Deus.

A família de Nakeisha era desestruturada, onde drogas ilícitas, incluindo metanfetaminas, sempre estavam disponíveis. Aos 22 anos, ela deu à luz seu filho, Kelvin, e mesmo sendo mãe continuava a usar substâncias ilícitas.

“Eu era uma boa garota”, lembra Nakeisha, que hoje tem 40 anos. “Eu ouvia meus pais. Tirava boas notas. Mas meus professores se perguntavam: Como ela está tirando A quando ela estava lutando [com o vício]?”

“Eu não percebi que estava fora de controle até depois que tive meu filho e comecei a usar novamente”, conta Nakeisha. “Eu ficava dentro e fora das drogas por um longo tempo.” Normalmente, ela usava drogas por três meses, ficava sóbria por três meses e depois voltava a usar.

Nakeisha conta que no meio dessa luta, ela teve alguns momentos ordenados por Deus. Isso incluiu pegar carona durante uma tempestade de neve com uma motorista que plantou uma semente da Palavra de Deus em seu coração. Ela contou que era da New Life Church, e que se reuniam em seis locais ao redor de Seattle.

A igreja em seu caminho

Seis meses depois, ela teve outra ajuda de Deus, quando estava passando de carro com seu traficante de drogas indo para casa em um domingo de manhã. Na estrada, eles passaram por uma placa em Port Orchard, Washington, que dizia New Life.

Nakeisha conta que sentiu um empurrãozinho para entrar, e pediu ao traficante que a deixasse sair. Ao entrar na igreja, estava acontecendo um culto de adoração

“Encontrei esta Bíblia velha e áspera que roubei da prisão”, lembra a mulher. “Eu li as Escrituras, e elas se alinharam com esperança, graça e misericórdia. Então comecei a ler o que isso significava e descobri que poderia ter isso se eu amasse o Senhor.”

Daquele momento em diante, ela teve sua vida transformada, e nunca mais se envolveu com drogas. Nakeisha que a igreja se tornou sua nova família.

“Das mulheres do meu grupo de estudo bíblico aos pastores e pessoas aleatórias, apenas me dando uma oportunidade e vendo quem eu fui criada para ser”, diz a mulher.

Parte da igreja

O Pr. Wes D. Davis, citando Efésios 4:16, agradece a Deus pela vida de Nakeisha e por ela ser parte da igreja.

“Jesus encaixa todo o corpo perfeitamente”, diz Davis. “Ele conhecia as pessoas que Nakeisha precisava encontrar e também onde ela se encaixaria.”

Uma grande testemunha na vida de Nakeisha, é que Deus a ajudou a se reconciliar com sua mãe, Connie King. As duas agora compartilham passagens da Bíblia e conversam regularmente.

Com seu testemunho, Nakeisha também alcançou as pessoas em sua vida anterior e muitos vieram a Cristo e agora estão discipulando outros também. Isso inclui sua amiga Stefanie Grace, que Nakeisha conseguiu batizar no ano passado.

“Nakeisha tem muitas pessoas que amam e se importam com ela”, diz o Pr. Davis. “Quando definimos discipulado, chegamos a Cristo e sim, há coisas que você tem que deixar, mas isso não significa que você pare de estender a mão, amar e se importar com as pessoas. Eu assisti Nakeisha e ela está fazendo discípulos.”

Ela agora tem uma visão diferente da vida: “Achei que não tinha valor, mas sou tão valiosa aos olhos de Deus. Agora posso ver meus amigos fazerem a mesma coisa.”

Fonte: Guiame com informações de AG News

Postar um comentário

0 Comentários