Jovem desviado é resgatado de batismo satânico ao clamar o nome de Jesus: "Ele me salvou"

Jovem desviado é resgatado de batismo satânico ao clamar o nome de Jesus: "Ele me salvou"

Nick Whelan cresceu em uma família cristã nos Estados Unidos. Porém, durante a juventude, uma fase rebelde o levou à beira do abismo satânico. “Eu cresci em um lar cristão e meus pais plantaram uma igreja quando eu era bebê. Então, eu nasci na igreja literalmente”, contou Nick ao God Reports. 

Ele frequentava a igreja com seus pais, mas ainda não havia tido um encontro pessoal com Cristo. “Eu levantei minha mão na igreja muitas vezes para receber a salvação, mas não tinha ideia do que isso realmente significava. Pensei que estava salvo e iria para o céu, então poderia fazer o que quisesse e ainda ser bom com Deus”, revelou.

Assim como muitos adolescentes, Nick começou a se rebelar contra sua criação cristã. “Eu não queria nada com o que minha família. Eu me envolvi com drogas, imoralidade sexual, e acho que isso abriu a porta para a corrupção se infiltrar e corromper todas as áreas da minha vida. Chegou a um ponto no ensino médio em que eu estava prestes a ser expulso se não me comportasse”, disse o homem.

No último ano da escola, Whelan se envolveu em um acidente de carro e acabou sendo preso, após a polícia encontrar drogas em seu veículo. “Meus pais olharam meu telefone e viram tudo o que eu estava fazendo. Eu nunca estava em casa, apenas no mundo, vivendo do jeito que eu queria viver”, relatou ele.

Alertas de Deus

Duas semanas depois do acidente, Nick sofreu uma fratura grave, enquanto jogava futebol, e quase precisou amputar a perna. “Deus está tentando chamar sua atenção; você precisa se arrepender,” alertou o pai do adolescente, após os incidentes.

Segundo Nick, ele não entendeu o que a fala do pai significava e tinha uma compreensão errada de Deus. “Eu pensei que tinha que ser perfeito para vir a Ele, então não tinha vontade de tentar, porque achava que não havia como isso acontecer. Mas eu estava realmente enganado e realmente capturado com os desejos do mundo”, observou.

Após sua formatura no ensino médio, Nick foi passar um período na África do Sul, incentivado por seus pais, em uma tentativa de mudar de vida. “Lá, o Senhor me encontrou de maneiras incríveis e parecia que Ele estava realmente estendendo a mão para mim”, testemunhou.

Carregado pelas orações dos pais e da igreja

Lutando uma verdadeira batalha espiritual em sua mente, Nick foi alertado pelos líderes locais sobre a realidade do reino das trevas e da luz. “Os líderes da igreja ministraram a mim e disseram: ‘você está em uma encruzilhada, você tem que escolher entre a vida ou a morte’”, contou.

Ao retornar para os EUA, Nick teve várias recaídas. “Eu apenas continuei indo mais fundo na escuridão”, lembrou ele. Mesmo se esforçando para se manter nos caminhos do Senhor, o jovem acabou voltando ao estilo de vida destrutivo. 

“Eu me encontrei em situações super sombrias, tendo todas as pessoas erradas ao meu redor. E minha casa virou basicamente uma casa de drogas”, lembrou.

Mesmo em sua rebelião, o jovem sentia a proteção e a graça de Deus em sua vida. “Percebi que o Senhor estava sempre ali oferecendo uma saída. E eu simplesmente não estava aceitando. Senti como se estivesse sendo carregado pelas orações dos meus pais e pelas orações da igreja”, ressaltou Nick.

Depois de vários livramentos, o jovem continuava se aprofundando nas trevas e viu Deus o soltar. “Eu senti que o Senhor me entregou aos meus desejos pecaminosos para aprender que eu preciso dele”, explicou.

Negociando com o diabo

Já viciado em drogas, Nick passou a se envolver com satanistas e a negociar sua alma com o diabo, em troca de sucesso financeiro e de mulheres. Um dia antes do ritual, o jovem foi surpreendido por mensagens em seu celular, com versículos bíblicos sobre o perigo do amor ao dinheiro.

No dia seguinte, os amigos satanistas foram ao seu apartamento para realizar o batismo satânico. Enquanto eles iniciavam o ritual, Nick recebeu uma revelação de como seria estar separado de Deus por toda a eternidade.

“Eu sabia que havia uma maneira que Deus tinha feito para eu sair desse castigo que eu merecia. E eu sabia que merecia. Eu só teria passado a eternidade lamentando pelo resto da minha vida. Era como um pesadelo do qual você nunca acordaria. E fiquei paralisado de medo naquele momento”, contou ele.

Não era tarde demais

Arrependido, Nick começou a orar por uma segunda chance. “Eu percebi que não era tarde demais. Eu sabia que existia um nome que tem autoridade sobre as trevas, então invoquei o nome de Jesus”, disse.

Então, ele orou em pensamento: “Se você me tirar disso Jesus, eu te darei minha vida. Eu o seguirei com todo meu coração”. Nesse momento, os satanistas disseram que se ele não terminasse o batismo, eles o matariam. 

Ignorando a ameaça, o jovem se levantou da sala e foi para o quarto. Lá, mais uma vez ele clamou a Deus por ajuda. “Eu orei em voz alta. Eu invoquei Jesus”, contou Nick. No mesmo instante, o grupo ocultista se levantou imediatamente e saiu do apartamento.

“Eu não sei o que aconteceu, mas Deus veio e invadiu de uma maneira poderosa. Ele me salvou naquele momento”, testemunhou Nick. 

Hoje, resgatado das trevas para luz, o jovem vive uma vida transformada. “Fui lavado e estou de bem com Deus. E me foi concedida a paz com o Pai”, celebrou ele.

Fonte: Guiame com informações de God Reports

Postar um comentário

0 Comentários