Após orar, atendente que foi despejada ganha casa através de cliente: “O Senhor cuidou”

Após orar, atendente que foi despejada ganha casa através de cliente: “O Senhor cuidou”

O trabalho da atendente Ebony Johnson, funcionária da Dunkin' Donuts em Ohio (EUA), é tão marcante que a cliente Suzanne Burke percebeu quando ela ficou sem trabalhar no drive-thru por algumas semanas em março.

Quando Ebony, de 33 anos, voltou a trabalhar na Dunkin, onde está empregada há três anos, ela compartilhou com Suzanne que havia sido despejada e buscava um lar para ela e seus três filhos.

“Eu queria desistir”, disse Ebony ao TODAY. “Eu chorei. Venho trabalhar todos os dias e ninguém sabe o que estou passando porque procuro sempre ter um sorriso para os nossos clientes.”

Suzanne deixou um bilhete para Ebony oferecendo ajuda e a atendente aceitou. Suzanne, que já trabalhou com serviços sociais, começou a entrar em contato com diferentes empresas e organizações.

Depois de um processo de nove meses, Ebony entrou em sua nova casa aos prantos junto com os filhos, na sexta-feira passada (3). Eles agora moram em uma casa totalmente mobiliada na cidade de Cincinnati.

“Eu nunca tive uma casa totalmente mobiliada. Nunca tive uma ajuda assim. Eu estava pedindo a Deus para nos colocar em uma casa antes do Natal, e Ele realmente nos colocou. Estou muito grata”, celebrou Ebony.

Deus move pessoas

Ebony revela que, desde o despejo em março de 2020, ela e seus filhos têm vivido com parentes, saltando de um lugar para outro. “Já passamos por muita coisa”, disse ela. 

Com a ajuda de diferentes organizações, Suzanne conseguiu encontrar uma casa para a família de Ebony. Ela fez uma parceria com a designer Jo Potvin e com a New Life Furniture Bank, uma organização que recebe doações de utensílios domésticos para dar aos necessitados.

Potvin e sua equipe da Design to Market fizeram uma força-tarefa para deixar a casa pronta e mobiliada para receber a família.

Ebony conseguiu garantir o apartamento com a ajuda da organização Strategies to End Homelessness (Estratégias para Acabar com a Falta de Moradia), de Cincinnati. O dinheiro usado para pagar o aluguel de Ebony vem da organização, financiado por doadores.

Suzanne agora está trabalhando para conseguir um carro para Ebony ir ao trabalho na Dunkin, porque a nova casa é mais distante. Seu filho mais velho, de 15 anos, ainda mora com o irmão para ficar mais perto da escola.

Ebony está feliz por voltar a servir seus clientes. “Eu amo a Dunkin. Quando chego lá, fico feliz porque são os clientes que fazem o meu dia”.

Por fim, ela reconhece que tudo o que recebeu vem de Deus. “O Senhor realmente cuidou de mim porque continuei orando e dizendo: 'Posso estar em casa antes do Natal?'”, disse ela à WCPO-TV.

Fonte: Guiame

Postar um comentário

0 Comentários