Sobrevivente de aborto, homem vivia nas ruas até ser ajudado por pastor: ‘Fui restaurado’

Sobrevivente de aborto, homem vivia nas ruas até ser ajudado por pastor: ‘Fui restaurado’

A história de Asiimwe Ronald tem inspirado as pessoas, uma vez que o jovem é um sobrevivente por duas vezes. A primeira superação que venceu foi a própria morte. Ele conta que sua mãe tentou abortá-lo no sétimo mês de gravidez.

Minha mãe nunca quis me dar à luz devido à pobreza e à influência de meu pai, que não tinha dinheiro para cuidar dela.

“Ela decidiu me abortar aos 7 meses, mas falhou! Então, 9 meses depois do parto, fui jogado em uma lixeira por um dia e uma boa samaritana que foi jogar o lixo fora me pegou”, relata.

Ao encontrar o bebê, a mulher decidiu cuidar dele, mas devido à pobreza, Asiimwe cresceu nas ruas, onde se alimentava de lixo. 

Crescendo nesse ambiente, sem estrutura familiar, toda essa situação deixou marcas em Asiimwe, que se tornou usuário de drogas.

A segunda superação na vida de Asiimwe aconteceu com a ajuda de um pastor.

“Um dia, um pastor local me reabilitou porque eu estava drogado e consegui mudar lentamente, dia a dia, até que minha vida fosse totalmente restaurada”, conta o jovem.

“Agora sou uma nova pessoa com grandes sonhos”, testemunha Asiimwe, que estuda Direito na Bishop Stuart University, cursando bacharelado em Direito em Uganda.

A história de superação de Asiimwe foi relatada pela National Right to Life (NRLC), uma organização pró-vida.

Fonte: Guiame

Postar um comentário

0 Comentários