‘Ela é um grande milagre’, diz enfermeira após bebê de 36 dias vencer Covid

‘Ela é um grande milagre’, diz enfermeira após bebê de 36 dias vencer Covid

Médicos e enfermeiros do Hospital César Leite comemoraram de forma especial a alta da pequena Ana Mayla de Oliveira, de São Pedro do Avaí, distrito de Manhuaçu (MG), após 36 dias de vida.

Segundo o hospital, foram dias de intensa e exaustiva batalha contra a Covid-19 para todos os profissionais de saúde e também para as famílias.  Mas a boa notícia é que a bebê que estava internada na UTI Neonatal venceu a luta contra a Covid-19.

A Ana Mayla nasceu prematura na 35ª semana da gestação, no dia 12/04, pesando 2.000 gramas. Devido à sua condição, a criança ficou com a mãe Daiane Amâncio na maternidade, até que apareceram os primeiros sintomas. No dia 23 a bebê foi para a Unidade Neonatal.

Mesmo recebendo alta, a mãe ficou com a bebê durante todo o período em que ela ficou internada. Foram dias de espera, cuidados e muita oração. No dia 17, a pequena Ana recebeu alta, com 2.602 gramas.

A enfermeira Roberta Damasceno, da Unidade Neonatal, conta que Ana Mayla foi o segundo bebê positivo na UTIN, mas o primeiro que apresentou um quadro grave. Chegou a ficar dois dias intubada. O outro atendimento, não precisou de oxigênio, mas ficou internada até se recuperar e ganhar peso, pois também nasceu prematuro.

“Poucos ainda têm a real dimensão da gravidade desse vírus para nossos pequenos pacientes. A Ana Mayla foi para nós um grande milagre e somos gratos a Deus por nossa equipe da UTI Neonatal do HCL ter feito parte da recuperação da saúde dela. Nossa primeira paciente positiva que ficou muito grave, que nos trouxe muitos desafios, medos, aprendizados e com a graça de Deus, podemos dizer: ela venceu a Covid-19”.

Fonte: Guiame

Postar um comentário

0 Comentários