Pastor é atacado por hindus durante visita de oração a doente, no sul da Índia

Pastor é atacado por hindus durante visita de oração a doente, no sul da Índia

A polícia do estado de Telangana, no sul da Índia, prendeu dois trabalhadores do Partido Bharatiya Janata (BJP) por agredirem um pastor acusado de realizar conversões religiosas.

O pastor Chandra Mouli, da Igreja de Jerusalém em Hasthinapuram, Vanasthalipuram, foi atacado quando visitou a casa do membro da igreja Jayamma em 28 de janeiro, disse o policial K. Murali Mohan.

Um dos membros da família de Jayamma estava doente, e o pastor foi até a residência liderar as orações.

“Ultimamente, temos testemunhado ataques regulares contra cristãos no estado, o que é muito perigoso para uma sociedade secular como a Índia. Temos que resolver esse problema ou podemos enfrentar grandes problemas no futuro”, disse o pastor Samuel, do Ministério Jesus Cristo de Nazaré ao UCA News.

“Temos que ter cuidado com os grupos fanáticos que estão tentando criar ódio entre as diferentes religiões, dividindo as pessoas em nome da casta, credo e religião e tentando empurrar sua propaganda”, relata.

Sobre a resolução do caso, o pastor diz que “vamos esperar a investigação. Temos plena fé na administração e esperamos que depois da investigação a paz possa prevalecer entre todas as comunidades. A confusão sobre a conversão religiosa deve ser esclarecida.”

Acusações

A polícia disse que os trabalhadores do BJP Lalith Kumar Reddy e P. Srinivas ouviram falar da presença do pastor em Vanasthalipuram e visitaram a casa de Jayamma e o acusaram de realizar conversões religiosas.

Uma discussão começou e os dois funcionários do BJP atacaram o pastor e o feriram. Enquanto isso, a família de Jayamma relatou o incidente à polícia, que correu até o local e o resgatou.

Mouli apresentou queixa em 29 de janeiro e o caso foi registrado. Naquele dia, centenas de membros do BJP protestaram em frente à delegacia alegando que a polícia estava favorecendo o pastor.

A polícia disse que os presos faziam parte de um grupo denominado Hindu Dharma Protectors.

Nacionalismo

Nacionalistas hindus acusam frequentemente os cristãos de usar força e táticas clandestinas na busca por conversões, muitas vezes invadindo vilas e liderando cerimônias de reconversão nas quais os cristãos são obrigados a realizar rituais hindus.

Em 2018, Uttarakhand se tornou o nono estado a promulgar uma lei de conversão religiosa. Os outros estados são Arunachal Pradesh, Odisha, Madhya Pradesh, Chhattisgarh, Gujarat, Himachal Pradesh, Jharkhand e Tamil Nadu.

As leis de conversão religiosa exigem que a pessoa que oficializa um ato de conversão informe as autoridades estaduais um mês antes da cerimônia. Também criminaliza o ato de conversão por fraude, força ou aliciamento com penas de prisão e multas.

Os cristãos são uma minoria em Telangana, correspondendo a cerca de 1,2 milhão em uma população de 35 milhões. A maioria dos cristãos vem da comunidade Dalit marginalizada, enquanto os católicos constituem cerca de metade de todos os cristãos no Estado.

Fonte: Guiame

Postar um comentário

0 Comentários