Covid-19: em vídeo, Cauan agradece orações ao receber alta da UTI

Covid-19: em vídeo, Cauan agradece orações ao receber alta da UTI

O cantor Cauan, da dupla com Cleber, gravou um vídeo agradecendo as orações dos fãs, familiares e colegas durante o tempo em que ele esteve internado na Unidade de Terapia Intesiva (UTI).

Diagnosticado com a covid-19, o sertanejo chegou a ter 75% dos pulmões comprometidos. Ele recebeu alta da UTI na segunda-feira (24) e continua em recuperação no quarto do hospital Anis Rassi em Goiânia (GO), usando oxigênio.

"Tenho certeza que Deus promoveu uma cura muito grande, na minha alma em primeiro lugar, e em segundo lugar no meu corpo, no pulmão. Deus fez um grande milagre na minha vida", declarou, em vídeo publicado nas redes sociais da dupla.

Cauan agradeceu ainda o trabalho dos médicos, enfermeiros e fisioterapeutas que o atenderam durante o período: "Eu fui tratado nesses três hospitais que eu passei como um filho. Isso me deixa muito feliz e emocionado".
Os pais do cantor também foram diagnosticados com a covid-19 e estão internados. A mãe dele, Shirlei Máximo, está num quarto e o pai, João Luiz Máximo, segue na UTI. A namorada de Cauan também foi infectada, mas apresentou a forma leve da doença.

Cauan começou a sentir sintomas como febre e dores no corpo no dia 7 de agosto. No dia 12, precisou ser internado no hospital.

Cleber alertou Cauan para ir ao hospital

Quando começou a apresentar os primeiros sintomas, o cantor Cauan foi orientado a procurar o serviço de saúde pelo colega de profissão Cleber. "Quando ele me falou que estava com febre, já estava no terceiro dia, e isso me preocupou bastante. Mas ele estava tranquilo, não imaginou que ia ter essa repercussão no corpo dele", contou o artista, durante um programa de TV.

O próprio Cleber foi contaminado pela covid-19, mas não manifestou os sintomas.

Cauan chegou a ironizar a doença

Um vídeo antigo do cantor Cauan mostra que ele chegou a ironizar a covid-19. Não se sabe quando as imagens, que circularam nas redes sociais, foram registradas. "Peita, coronavírus, vem 'ni' nós" (sic), diz o cantor, batendo no peito.

A pessoa que gravou o vídeo, que não aparece, brinca dizendo que os dois estão escondidos do governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), devido às medidas de isolamento social anunciadas desde os primeiros casos no estado.

Fonte: NE10interior

Postar um comentário

0 Comentários